Ex.mos Senhores,

Informamos que o Escritório de Patentes argentino (INPI) publicou em 29 de agosto de 2014, no Boletim Oficial Nacional da Resolução P187-2014, que exige que os candidatos de patentes pendentes ajuizadas antes de 1 de janeiro de 2013, alegando a prioridade de um aplicativo externo para informar o Escritório Nacional se o pedido de prioridade foi concedida ou não.

Não há necessidade de apresentar uma cópia da patente concedida, mas apenas uma confirmação de que o pedido de prioridade foi concedido ou não.
Aparentemente, o objetivo deste pedido excecional é reduzir o atraso no INPI, instando os candidatos a confirmarem o seu interesse em processar cada um dos casos pendentes.

O prazo para apresentar a referida informação no INPI expira em 30 de novembro de 2014 (90 dias a partir da publicação da resolução P187-2014 no Boletim Oficial Nacional). Gostaríamos de receber esta informação até 3 de novembro de 2014.

A falta de resposta a esta petição irá resultar no abandono final dos pedidos.

Tomámos a liberdade de preparar uma lista de casos pendentes dos nossos clientes, que será enviada aos mesmos em breve.

Se precisar de mais esclarecimentos ou ajuda, não hesite em nos contactar.

Com os melhores cumprimentos,

HERRERO & ASOCIADOS